quarta-feira, 31 de janeiro de 2007

Vai levar um peixe ou um livro?



Pescador separou parte de sua barraca na feira livre de Pirapora para expor livros, que são emprestados à população

Eduardo Kattah, ENVIADO ESPECIAL, PIRAPORA (MG)

Nos últimos meses, o pescador Leonardo da Piedade Diniz Filho, de 40 anos, viu sua clientela crescer e se diversificar na feira livre de Pirapora, cidade às margens do Rio São Francisco, no norte de Minas Gerais. Os freqüentadores estão sendo atraídos à barraca de Léo do Peixe, como é conhecido, não só pelos dourados, surubins e curimatãs como também pela inusitada oferta de livros. O pescador virou a principal atração da feira dominical ao criar o Clube da Leitura, em fevereiro do ano passado.


Continua no Estado.
.....

3 comentários:

Guto Melo disse...

É tão bonito isso. Aqui em Brasília tem um cara chamado Luiz Amorim, que é açougueiro e tem uma história super bonita. Com 15 anos de idade ele já trabalhava em um açougue. Aos 18, conseguiu comprar este açougue. Batizou o estabelecimento de T-Bone. Mais ou menos nessa época, ele se alfabetizou e logo logo leu o seu primeiro romance. Desde então decidiu que cultura era a coisa mais importante na vida e idealizou o projeto Açougue Cultural. Faz parte do projeto uma biblioteca. No início, os livros ficavam no próprio açougue (alguns ainda estão lá), mas depois o lance cresceu e hoje há um espaço próprio com um acervo de mais de 30 mil exemplares, além de parcerias com bibliotecas da Estrutural e de Varjão, localidades pobres aqui do DF. O cara a cada seis meses também fecha a quadra comercial onde fica o açougue e promove as Noites Culturais, um evento multi-arte em que rolam performances, poesia visual, recitais e no final um grande show. Já veio Tom Zé, Chico César... Tudo de graça. Ah, tem ainda uns encontros bimestrais com escritores bacanas na própria biblioteca. Já estiveram presentes Ziraldo e outras figuras. Hoje o T-Bone é considerado ponto de cultura pelo Minc.

Laura disse...

Muito bom isto, adoro estas histórias.
Leila, lá no blog tem uma chamada para uma campanha sobre o aquecimento global, não sei se vc recebeu por email, se quiser mando, é só avisar. Leia lá, please. Bjs Laura

Sonia disse...

Leila, eu não disse que não deixaria de visitar os blogs amigos?
Esses "loucos" fazem mais pela cultura que mil programas governamentais.