quarta-feira, 30 de julho de 2008

ortorexia

Descobri hoje que isso aí é uma doença, nunca tinha ouvido falar:

Quando a alimentação natural vira obsessão

Você já se atrasou para algum compromisso por ficar analisando os percentuais de gordura de algum alimento? Deu uma de chata enchendo garçons de perguntas sobre os ingredientes dos pratos do cardápio? Conhece mais o rótulo de alguns produtos do que sua mãe as músicas do Roberto Carlos? Cuidado! A obsessão pelo consumo de alimentos saudáveis é um distúrbio chamado ortorexia nervosa.

Continua aqui.

...
Eu não sabia que isso era doença, pensei que fosse só chatice de algumas pessoas. Trabalhei com uma que era insuportável, fazia a gente se sentir um verme só porque tinha comido um pão de queijo ou um chocolate. Agora, se ela aparecer de novo vou dar o diagnóstico, 'Minha senhora, sinto anunciar, você é uma ortoréxica, me deixa em paz com meus pães de queijo.'
...
Estou vendo preços de passagens aéreas no Brasil, preciso ir a Minas. Tenho vontade de chorar na frente do computador, como os preços podem variar desta maneira? Falei, no post abaixo, que ia viajar menos de avião (no caso, era uma tentativa de ser ecologicamente correta)...vou viajar menos mesmo, mas a razão é menos nobre, é o bolso. Li uma reportagem na Caros Amigos mostrando como os pobres poluem menos, andam mais, não podem consumir tanto. Vamos lá, quando estiver na estrada vou me concentrar nisso, mais tempo de leitura, reflexão, música...


4 comentários:

Liz / Falando de tudo! disse...

Ah...que interessante este teu post!
Eu nao imagina que existia essa doença, sou um pouco chata com essa coisas, mas nao ao ponto de achar que é a doença...rs...
Volte sempre que quiser no meu cantinho!
Liz

Diz disse...

Ih! eu tenho mania disto :)
mas melhorei.
Controlo tudo que como.
Mas não sei mais qtas calorias tem um pão de queijo... acabo de comer um, mas não tomei capuccino pra não ficar mais calórico- acho que sou isto ai. O que? ortoanorexica, é isto? hihihi
Viajar de ônibus me dá medo, tenho mto medo, tenho que fingir que não tenho, sento no meio do ônibus, nunca na frente, leio, durmo, faço o possível pra não dirigir junto- deve ser outra doença :)
prefiro avião, sou fatalista neste caso.
tudo caro demais.
Por isso eu fico com tanta saudades do Rio, é caríssima a viagem. Na Gol vc acha mais barato, mas nas férias... agora acabaram, né?
Bj
Laura

JAMINE BRUNO disse...

sobre a poluicao...eu ja estudei saneamento e tive disciplinas voltadas para a reciclagem do lixo...quando vim morar na belgica fiquei assustada com a quantidade de lixo que se produz a cada refeicao...sou do nordeste do brasil e la, quando compramos. em geral. as coisas nao veem tao bem embaladas como aqui. muitas vezes tiro o plastico, a bandeija e ufa...enfim o alimento...e muito lixo. por outro lado, aqui as sacolinhas de supermercado sao cobradas e muitas pessoas reciclam por conta disso...cada um fazendo um pouquinho...nosso planeta agradece ;)

Fernando Sampaio disse...

Arrá, sabia que isso era doença! Que saco, agora para esses chatos até açúcar virou veneno...
Deixa meu salaminho aqui seus ortoréxicos...