sábado, 8 de março de 2008

Como Falar dos Livros Que Não Lemos


Como Falar dos Livros Que Não Lemos

Autor: Pierre Bayard

Editora: Objetiva

R$ 29,90

Memoria?

“no momento em que estou lendo, eu já começo a esquecer o que li, e este processo é inelutável, prolongando-se até o momento em que tudo se passa como se eu não tivesse lido o livro e em que eu passo a ser o não-leitor”.
....

Escrevi sobre este livro em março de 2007, agora ele foi publicado no Brasil e parece que está fazendo algum sucesso. Ainda não o li, mas fico curiosa...Pode-se ler um trecho aqui.

5 comentários:

Diz disse...

eu não lerei este livro, sinto mto, o cara deve ser inteligente, mas faz favor..
bjs Laura
andou sumida... hoje lembrei de vc de manhã, pensando na vida(eu)

Anônimo disse...

Oi Leila,

Estou lhe escrevendo para pedir uma ajudinha sobre a belgica. eu estou indo fazer um mestrado Lá, em Leuven, e gostaria que minha namorada fosse comigo. estamos buscando um curso de frances para ela fazer, mas está dificil de achar, principalmente um em que se possa fazer a inscrição pela internet. Penso em sugerir pra ela estudar dutch. voce pode me ajudar nesse assunto? eu ficaria muitíssimo agradecido!

se puder me escreva, diogojorge@yahoo.com

valeu!

Diogo

Sonia disse...

Olá, Leila.Ando meio afastada da Internet, mas hoje tirei um tempinho para visitar alguns blogs. Estive lá no Rosebud e aproveitei bastante a leitura. Aqui não é mesmo embraçoso falar nos livros que não se leu; nos olham como seres estranhos é quando falamos dos livros que lemos. Aí, né, como se conta lá no Rosebud, uma diretora joga fora toda a biblioteca escolar.

rosangela disse...

quei curiosíssima... :)
abraço pro 'cê... :)

... disse...

Ih! Isso ainda vai dar pano pra manga. Daqui a pouco vai ser "Como falar de comidas que nunca comemos", "De bebidas que nunca bebemos". Aí é só fechar a jaula...