domingo, 19 de agosto de 2007

Fiquei tantos dias sem atualizar este blog que cheguei a pensar: 'É uma boa oportunidade de acabar com isso!'Mas não acabei, here I am. Nem sei a razão, nem vou analisar muito agora. Não tenho mais contador, por um descuido eu o eliminei, depois não tive tempo (ou vontade) de colocá-lo de volta, deste modo, não sei quantas pessoas passam por aqui. Melhor assim, talvez.
....
O nosso hóspede americano se foi, ficou conosco quatro meses, de modo que foi triste se despedir. Ele trabalha com cinema, roteiro, e fez um filme curto sobre a experiência dele no Brasil, levou na bagagem. Quem sabe no que vai dar?! Ele trabalhou muito nisso. É incrível o trabalho que pode dar um filme tão curto. Foi divertido, muito divertido ver e participar um pouco disso.

Outra coisa a respeito do 'hóspede americano', adora literatura e podíamos discutir por muito tempo sem aquele medo de aborrecer o outro. Vai me enviar P. Roth, Nabokov e outros tantos que quero ler em inglês.
....
Continuo lendo...pelo menos isso. Lendo, dando aulas, escutando as mães de alunos falarem dos filhos gênios. Quase toda mãe tem um filho gênio. É incrível. Acredito que dentro de alguns anos o Brasil vai estar muito bem com todos estes cérebros trabalhando pelo país. Nem vou me preocupar mais.
....


10 comentários:

JAMINE BRUNO disse...

Filhos gênios?!? hehe...Isso é algo que toda mae acredita...É como uma lenda urbana...

Mas em relaçao as facilidades que a nova geraçao tem com informaçao, tecnologia...Isso sim, acredito que assusta e admira os pais...Talvez seja apenas o fato de confundir aprendizagem rápida (exigida por nossa sociedade atualmente) com inteligência fora da média...Nao sei...Pois minha inteligência nunca foi fora da média hehe...

Kovacs disse...

Não só toda mãe, mas todo pai também. Que coincidência, meu filho é um gênio!

Sonia disse...

Masi coincidência, os meus também, e as netas não ficam atrás.

Wagner disse...

Às vezes eu também tenho vontade de acabar com meu blog... mas como vontade é coisa que dá e passa...
Eu nunca vou dizer que meus filhos são gênios: primeiro porque jamais os terei, e depois. só os adultos podem ser gênios.
Um hóspede por 4 meses!?!?! Sinal de que ele deve ter gostado muito da sua hospitalidade. Se (ou quando) o filme ficar pronto divulgue no blog.
Abraço.

Tati disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Tati disse...

Huahuahua, meu pai me achava uma gênia da pintura quando eu tinha 7 anos por ter pintado um sol com algumas borboletas.

Não termine com o blog, gosto bastante de passar por aqui e ler seus posts!;)

Anônimo disse...

Nao termine o blog, darling. Ja eh parte de vc....

Allan Robert P. J. disse...

Querida Leila querida,
Obrigado por não ter desistido do blog. :)

(Minhas filhas não são gênios, apenas duas moças felizes e divertidas. Melhor assim.)

Polly disse...

achei graça do final do seu post, sobre os gênios, hahahaahhah.
Espero que terminar com o blog tenha sido só uma vontade relâmpago. Please don't give up!!!
xoxooxox

Allan Robert P. J. disse...

Você foi citada por lá.
Melhor verficar.
:)