quinta-feira, 30 de novembro de 2006

Cenas de rua

1-O vendedor de redes parou, jogou as redes no chão e disse: Olha, eu tô cansado dessa rotina, viu? Todo dia uma cidade diferente.

......

2-Então, amanhã também tem, é, amanhã vai ser ótimo, você tem que ir. Isso, vai sim. Escuta, você não tem uma ovelhinha pra levar não?

[Ovelhinha???? Acredite, eram duas religiosas conversando....]

.............................................

No RoseLivros:

A Presidência Lula - Passos e Tropeços por Aluízio Alves Filho – Revista Achegas

'Point to Point Navigation': luminar desdenhoso ofusca astros por Janet Maslin - The New York Times. Tradução: George El Khouri Andolfato.

3 comentários:

Laura disse...

hahaha boas
este problema dos olhos, eu tb tenho, mas não chega a me incomodar. No começo parecia que eu via um insetinho zanzando, depois acostumei.
Bjs Laura

Allan Robert P. J. disse...

Taí!
Acho que iria gostar de ser vendedor de redes e passar em uma cidade por dia.

parla marieta disse...

Oiê... como vai?