quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Lavoura Arcaica


Os olhos no teto, a nudez dentro do quarto; róseo, azul, violáceo, o quarto é inviolável; o quarto é individual, é um mundo, o quarto catedral, onde nos intervalos da angústia, se colhe, de um áspero caule, na palma da mão, a rosa branca do desespero, pois entre os objetos que o quarto consagra estão primeiros os objetos do corpo (...) (NASSAR, 1989, p. 9)

Início do romance (romance?) Lavoura Arcaica de Raduan Nassar,que terminei de ler esses dias. Livro que eu já devia ter lido há muito tempo, eu sei.

Outro trecho maravilhoso, mas o livro é todo assim, na verdade, é difícil escolher trechos, mas gosto de discussões sobre o tempo:

O tempo, o tempo é versátil, o tempo faz diabruras, o tempo brincava comigo, o tempo se espreguiçava provocadoramente, era um tempo só de esperas, me guardando na casa velha por dias inteiros (...) (NASSAR, 1989, p. 95)

5 comentários:

Kovacs disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Kovacs disse...

Livro fantástico, você tem toda razão em questionar quanto ao enquadramento como romance, acho que é mesmo uma obra inclassificável.

Djabal disse...

Uma boa história não tem classificação e não tem data, muito menos hora. Ela sempre irá nos ajudar. Eu ao ler o primeiro parágrafo, imediatamente, me lembrei dos momentos em que o lia. Ah, o quarto. Hoje as pessoas não percebem o quanto ele foi banalizado. Muito obrigado pela partilha. Beijos.

Diz disse...

é maravilhoso! um dos meus livros preferidos- por isso sou apaixonada pelo Raduan, ele é extraordinário.
O filme tb é bom, excepcionalmente- até ele gosta, o diretor conversou mt c raduan antes de filmar- até viajaram juntos p o Líbano. Conto isso no blog num post q repito de vez em qd- sabe q eu repito, né?
Bjão e fico feliz q tenha lido.
Um Copo de cólera tb é mto bom- gosto demais, mas este...

Merilin Baldan disse...

Oi Leila.
Não sei se você ainda mantem o blog, já que a ultima postagem é de 2011. Enfim... vou dar uma pesquisada aqui... cheguei procurando alguma coisa sobre artistas belgas e encontrei um blog que iniciou falando da Belgica. Vou devorá-lo, pois em breve estarei por lá. Abraços,